Galaxy Watch 5 Pro não deve ter coroa giratória para comandos do Wear OS

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 31 de Maio de 2022 às 14h03

clique para compartilhar

Link copiado!

Tudo sobre Samsung
ver mais

A possibilidade de a Samsung lançar uma versão Pro do Galaxy Watch 5 já é alvo de rumores há algumas semanas, inclusive com códigos internos que reforçam a tese. Entretanto, novas informações reveladas pelo leaker @UniverseIce no Twitter indicam que a variante não deverá trazer uma coroa giratória em sua construção, um dos pontos mais marcantes dos relógios inteligentes da sul-coreana.

A novidade pode decepcionar alguns consumidores, pois o Galaxy Watch 5 Pro deverá substituir o Galaxy Watch 4 Classic, que no momento é o único com o comandos por meio do anel rotativo. Dessa forma, os botões laterais deverão ser a única alternativa física para comandar o sistema operacional do relógio.

Não há um motivo muito claro para a remoção de um modelo com coroa giratória, já que o componente não compromete a resistência dos produtos contra água ou poeira. Entretanto, é possível que a Samsung entenda que o ele não é mais necessário em seus relógios, e busque simplificar sua linha de produção.

Alguns modelos anteriores da série Galaxy Watch tentaram emular as funções do comando rotativo por meio do touchscreen, mas o recurso nunca funcionou a contento, acabando por ser descartado — não é possível afirmar que a função retornará no Galaxy Watch 5 Pro.

Galaxy Watch 5 Pro — possíveis detalhes

Outras especificações do futuro relógio mais avançado da linha já são conhecidas por meio de certificações e vazamentos. Ele terá uma grande bateria de 572 mAh, que deverá ser capaz de resolver alguns problemas de autonomia que foram enfrentados por usuários das gerações anteriores.

Sua construção será de titânio, assim como modelos concorrentes como o Apple Watch Series 7 ou o Huawei Watch GT 3 Pro. Além disso, o display do Galaxy Watch 5 Pro será composto por vidro de safira, material altamente resistente contra riscos.

Alguns rumores também abordam a possível presença de um termômetro corporal no relógio, mas o recurso não foi confirmado até o momento. De qualquer forma, ele poderá ganhar diversas melhorias em monitoramentos já existentes, como o de batimentos cardíacos, bioimpedância, dados de atividades esportivas e mais.

Ainda não foi divulgada uma data exata para o lançamento da linha Galaxy Watch 5, mas é possível que eles apareçam junto aos dobráveis da marca por volta do mês de agosto.

Fonte: Twitter/@UniverseIce