Tela do Pixel 7 Pro aparece em foto oficial do Google

Tela do Pixel 7 Pro aparece em foto oficial do Google

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 23 de Setembro de 2022 às 10h50
Divulgação/Google

O Google já anunciou que sua linha Pixel 7 será lançada no próximo dia 6 de outubro, e novas imagens revelam a parte frontal do Pixel 7 Pro. Este é um ângulo inédito do aparelho até o momento, já que a empresa só tinha mostrado a seção traseira do smartphone.

Tela do Pixel 7 Pro aparece com curvaturas mais sutis (Imagem: Facebook)

A imagem aparece como foto de capa de um grupo no Facebook, chamado de Pixel Superfans. Nela, o dispositivo aparece ao lado dos Pixel Buds Pro e do Pixel Watch, relógio que também não foi lançado até o momento mas já teve seu visual confirmado pelo Google.

O aparelho não aparece com alta resolução na foto, mas mesmo assim é possível identificar que as bordas ao redor da tela devem ser um pouco menos curvadas que no Pixel 6 Pro. No mais, as características parecem ser bastante similares, com grande aproveitamento do painel frontal e câmera de selfies em um furo centralizado no topo da tela.

Portanto, o display deve permanecer como uma das diferenças da versão Pro para o modelo comum. Espera-se que o Pixel 7 base mantenha um painel plano, provavelmente com bordas mais espessas — assim como o Pixel 6a, que deve permanecer como uma opção mais barata para quem deseja um celular do Google.

O novo conteúdo reforça um hands-on realizado anteriormente com um protótipo, que já mostrava o painel mais reto. Esta diferença fica mais evidente quando os aparelhos são colocados lado a lado.

Novo modelo aparece à direita com alterações no display (Imagem: YouTube/Unbox Therapy)

Linha Pixel 7 será lançada em breve

No mais, a foto reforça o visual da parte traseira do dispositivo, que já era conhecido. A principal distinção do design está no módulo de câmeras, que ganhará um acabamento em cores mais claras — alterações nos sensores também podem acontecer, mas ainda carecem de confirmação.

Os novos celulares do Google contarão com o Tensor G2, segunda geração do chipset desenvolvido pela própria marca. Com isso, espera-se uma integração ainda maior com o sistema operacional Android, talvez com novos recursos de inteligência artificial.

A empresa já enviou convites para um evento marcado no dia 6 de outubro, quando os novos smartphones devem ser lançados. Na mesma conferência, o Pixel Watch também deverá aparecer oficialmente como o primeiro relógio inteligente do Google.

Fonte: Facebook, via 9to5Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.