Realme 9i estreia no Brasil com Snapdragon 680 e recarga de 33 W

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 22 de Fevereiro de 2022 às 10h30

clique para compartilhar

Link copiado!

Realme 9i
ver mais

Conforme havia revelado em teasers, a Realme anunciou nesta terça-feira (22) a chegada do Realme 9i ao Brasil, marcando o primeiro ano de operações da marca no país. O aparelho promete oferecer performance sólida ao estrear um novo chipset da Qualcomm por aqui, mantendo a autonomia elevada junto ao carregamento rápido de 33 W. O intermediário é acompanhado ainda de dois novos acessórios — a pulseira Realme Band 2 e os fones Realme Buds Q2.

Realme 9i traz Snapdragon 680 e recarga de 33 W

Estreando no mercado brasileiro pouco mais de um mês após seu anúncio global, o Realme 9i vem equipado com chip Qualcomm Snapdragon 680, lançado em outubro passado como sucessor direto do Snapdragon 665. Com conectividade 4G, o chip traz núcleos razoavelmente antigos e não se posiciona bem nem quando comparado ao Helio G95 utilizado no Realme 8, chegando a perder por mais de 30% para o chip da MediaTek em testes de performance.

Mesmo assim, a Realme garante que o lançamento terá alta potência e destaca a fabricação do chip em 6 nm, contra 12 nm do Helio G95, o que pode ter benefícios positivos ao menos em consumo de bateria. O componente é acompanhado de 6 GB de RAM, que pode ser estendida para até 11 GB usando armazenamento com a Expansão Dinâmica de RAM (DRE), e 128 GB de armazenamento, com possibilidade de expansão via cartões Micro SD de até 1 TB.

O dispositivo chama atenção pelo design, que lembra os recém-anunciados Realme 9 Pro e alguns aparelhos da OnePlus, mas com visual chamado pela empresa de Stereo Prism, que utiliza "8 camadas de revestimento óptico" para gerar um efeito diferenciado de linhas paralelas verticais nas cores Prism Black (preto) e Prism Blue (azul).

Na tela, o Realme 9i embarca painel IPS LCD de 6,6 polegadas, com resolução Full HD+ de 2412 x 1080 pixels e taxa de atualização adaptativa de 90 Hz, que muda em valores fixos entre 30 Hz e 90 Hz dependendo do conteúdo para economizar energia, enquanto a amostragem de toque de 180 Hz promete resposta rápida aos comandos, especialmente em jogos.

Para as câmeras, o lançamento traz lente frontal de 16 MP, acompanhado do conjunto traseiro triplo com sensor principal de 50 MP e dois sensores de 2 MP, um para fotos macro e um monocromático, pensado para captar mais detalhes da cena. Já para a bateria, um dos destaques, o Realme 9i traz 5.000 mAh de capacidade, com suporte a carregamento rápido de 33 W, potência que recuperaria carga completa em 1h10 min.

No mais, o lançamento traz som estéreo, Wi-Fi 5, Bluetooth 5.0, conector P2 para fones de ouvido, leitor de digitais integrado ao botão de energia na lateral e Android 11, rodando sob a Realme UI 2.0 — segundo a empresa, a escolha do Android 11 em vez do Android 12 se deu diante da maturidade do sistema, que estaria melhor otimizado. Apesar disso, o update para a versão mais recente está confirmado, além de 3 anos de atualizações de segurança.

Realme Band 2 e Buds Q2 também são lançados

A empresa também trouxe ao país sua smartband premium mais recente, a Realme Band 2, além dos fones Realme Buds Q2. Anunciada em setembro, a pulseira inteligente chega oferecendo visual renovado, construção mais robusta e uma série de novos recursos, com destaque para o acompanhamento dos níveis de oxigênio no sangue com sensor SpO2.

O dispositivo mantém o formato retangular, mas agora com corpo mais robusto e maior que a pulseira de silicone, e emprega tela de 1,4 polegada com resolução de 320 x 167 pixels e brilho máximo de 500 nits. Os upgrades são complementados por alto nível de customização, com mais de 50 temas diferentes, incluindo upload de fotos do smartphone, e diferentes opções de pulseiras.

A Band 2 suporta acompanhamento de 90 modalidades de exercício diferentes, salto considerável sobre as 9 variações da antecessora, registra batimentos cardíacos continuamente e possibilita medições do nível de estresse, qualidade do sono e contador de passos, bem como emite lembretes para ingestão de líquidos e avisos contra sedentarismo.

Fora isso, a smartband permite o recebimento e resposta de notificações, controle de outros dispositivos inteligentes da Realme e marcas associadas, apresenta resistência à água em profundidade de até 50 metros e é alimentada por uma bateria de 204 mAh, que entregaria autonomia de até 12 dias, segundo a Realme. A conexão é feita com Android ou iOS via Bluetooth 5.1, possuindo gerenciamento através do app Realme Link.

Enquanto isso, os fones Realme Buds Q2 também prometem oferecer bons upgrades sobre o Buds Q original, ainda que sigam omitindo recursos comuns para a categoria, como o cancelamento ativo de ruído (ANC), que permanece ausente nesta geração. O dispositivo traz drivers de 10 mm e tecnologia Bass Boost+ que, como sugere o nome, intensifica as frequências graves das músicas.

O design mantém o visual geral do modelo passado, mas traz refinamentos para parecer mais premium, com destaque para a certificação IPX4 de resistência à água e suor, tornando-o uma opção interessante para uso durante a prática de exercícios. A conexão é feita com Bluetooth 5.0, com alcance de até 10 metros, enquanto o gerenciamento é realizado através do app Realme Link, que inclui perfis extras mais equilibrados ou que destacam os agudos, além de modo de baixa latência de 88 ms.

As cápsulas e o estojo pesam apenas 4,1 gramas e 39 gramas, respectivamente, o que não deve afetar a autonomia — a Realme garante longa duração de bateria, com até 20 horas de uso combinado. Além disso, há suporte a carregamento rápido, que promete entregar 2 horas de reprodução com 10 minutos de recarga.

Preço e disponibilidade

As três novidades começam a ser vendidas já a partir de hoje (22) na loja oficial da Realme no Mercado Livre, chegando então ao restante do varejo na próxima sexta (25). Os preços sugeridos são os seguintes:

  • Realme 9i (6 GB/128GB) — R$ 2.299
  • Realme Band 2 — R$ 449
  • Realme Buds Q2 — R$ 299

Realme 9i: ficha técnica

  • Tela: IPS LCD de 6,6 polegadas, resolução Full HD+ de 2412 x 1080 pixels, taxa de atualização adaptativa de 90 Hz
  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 680
  • Memória RAM: 6 GB
  • Armazenamento interno: 128 GB
  • Câmera traseira: 50 MP (Principal, f/1.8) + 2 MP (Macro, f/2.4) + 2 MP (Monocromático, f/2.4)
  • Câmera frontal: 16 MP (f/2.1)
  • Dimensões: 164,4 x 75,7 x 8,4 mm
  • Peso: 190 g
  • Bateria: 5.000 mAh com carregamento rápido de 33 W
  • Extras: 4G, Wi-Fi 5, Bluetooth 5.0, leitor de digitais na lateral, áudio estéreo, conector P2, leitor de cartões MicroSD
  • Cores: preto e azul
  • Sistema operacional: Android 11, sob a Realme UI 2.0