Netflix libera suporte para HDR10 no Galaxy Z Fold 4, Z Flip 4, A73 e mais

Por Vinícius Moschen | Editado por Douglas Ciriaco | 07 de Setembro de 2022 às 11h10

clique para compartilhar

Link copiado!

Galaxy Z Fold 4
ver mais

Mesmo que vários smartphones tenham telas com suporte para o HDR10, nem todos os conteúdos podem ser vistos com tal tecnologia. Entretanto, a Netflix modificou sua lista de dispositivos compatíveis com a tecnologia, com seis novos modelos da Samsung.

A lista de celulares que entraram para a lista de suporte para HDR10 na Netflix pode ser conferida abaixo:

  • Samsung Galaxy A73 5G
  • Samsung Galaxy Z Flip 3
  • Samsung Galaxy Z Flip 4
  • Samsung Galaxy Z Fold 2
  • Samsung Galaxy Z Fold 3
  • Samsung Galaxy Z Fold 4

Com isso, os usuários destes modelos poderão ver as cenas com melhor alcance dinâmico, e maior profundidade de cores. Para ativar o HDR10, o usuário precisa ter o plano Ultra HD da Netflix, e configurar a qualidade das imagens para o modo mais alto.

Naturalmente, também é necessário possuir uma conexão de internet com qualidade. A empresa sugere que se use um plano com pelo menos 15 megabits por segundo, para que não aconteçam travamentos ou outros problemas que possam atrapalhar a experiência.

Além disso, a Netflix também atualizou a sua lista de dispositivos compatíveis com streamings em qualidade HD. Vários celulares intermediários da Samsung foram adicionados à relação, principalmente aqueles que foram lançados ao longo dos últimos meses:

  • Samsung Galaxy A04
  • Samsung Galaxy A04s
  • Samsung Galaxy A13
  • Samsung Galaxy A23
  • Samsung Galaxy A23 5G
  • Samsung Galaxy A73 5G
  • Samsung Galaxy F13
  • Samsung Galaxy M13
  • Samsung Galaxy M13 5G
  • Samsung Galaxy M23 5G
  • Samsung Galaxy M33 5G
  • Samsung Galaxy M42 5G
  • Samsung Galaxy M51
  • Samsung Galaxy M53 5G
  • Samsung Galaxy XCover6 Pro
  • Samsung Galaxy Z Flip 3
  • Samsung Galaxy Z Flip 4
  • Samsung Galaxy Z Fold 2
  • Samsung Galaxy Z Fold 3
  • Samsung Galaxy Z Fold 4

Fonte: Netflix, via Android Police