Lista de 10 celulares mais poderosos de dezembro de 2021 tem Xiaomi no topo

Por Victor Carvalho | Editado por Wallace Moté | 03 de Janeiro de 2022 às 13h20

clique para compartilhar

Link copiado!

A plataforma de benchmark AnTuTu acaba de revelar a sua tradicional lista de dez celulares mais poderosos vendidos na China em dezembro, com destaque para smartphones da Xiaomi, Nubia e iQOO conquistando o pódio e a chegada de um poderoso e compacto smartphone dobrável à lista.

Antes de mais nada, é bom lembrar que grandes lançamentos como a linha Xiaomi 12 e o Motorola Edge X30 com o poderoso chip Snapdragon 8 Gen 1 ficaram de fora do ranking por suas vendas iniciarem tarde no mês de dezembro, o que deu pouco tempo para que os usuários pudessem realizar testes na plataforma.

Por isso vemos a predominância do Snapdragon 888 e de sua versão atualizada, o Snapdragon 888 Plus, cada um equipando cinco modelos do Top 10.

O smartphone gamer Black Shark 4S Pro é o mais poderoso da lista, superando os 874 mil pontos no banco de dados do AnTuTu. O Red Magic 6S Pro, smartphone gamer da Nubia, é o segundo colocado com 852 mil pontos, deixando o iQOO 8 Pro em terceiro lugar com 845 mil pontos.

A lista conta com o recém-anunciado Find N, primeiro celular dobrável da Oppo que aposta em no formato do Galaxy Z Fold 3 e um tamanho mais compacto.

Confira abaixo o ranking completo de celulares mais poderosos de dezembro de 2021 vendidos na China:

  • Black Shark 4S Pro com Snapdragon 888 Plus
  • Nubia Red Magic 6S Pro com Snapdragon 888 Plus
  • iQOO 8 Pro com Snapdragon 888 Plus
  • Vivo X70 Pro Plus com Snapdragon 888 Plus
  • Oppo Find N com Snapdragon 888
  • iQOO 8 com Snapdragon 888
  • Asus ROG Phone 5S com Snapdragon 888 Plus
  • iQOO Neo 5S com Snapdragon 888
  • Motorola Edge S30 com Snapdragon 888
  • Oppo Find X3 Pro com Snapdragon 888

Como sempre, devem levar apenas alguns dias até que o AnTuTu libere a lista global de modelos mais poderosos, incluindo não apenas os flagships como também os intermediários, onde poderemos ter uma ideia melhor de como está o mercado Android.

Fonte: AnTuTu Benchmark (em chinês)