iPhone 14 dos Estados Unidos tem problemas para ativação do eSIM no Brasil

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 26 de Setembro de 2022 às 15h05

clique para compartilhar

Link copiado!

iPhone 14
ver mais

Usuários de aparelhos da linha iPhone 14 estão relatando dificuldades para ativar o eSIM no Brasil. Os modelos que apresentam problemas são os vindos dos Estados Unidos, que não possuem mais bandeja para cartões físicos de operadoras.

De acordo com publicações no Blog do iPhone, os aparelhos não estariam aceitando os dados de operadoras nacionais, especialmente a TIM e a Vivo. O modelo mais afetado é o iPhone 14 Pro, mas não é possível afirmar que esta é a única versão com falha.

Porém, a situação não é geral: alguns usuários afirmaram que conseguiram a ativação, em ambas as operadoras.

Os aparelhos americanos da linha iPhone 14 não passam pela homologação da Anatel, e sua situação aparece no portal da agência como “bloqueado”. Porém, em resposta ao portal Tecnoblog, a agência afirmou que esta classificação acontece devido a um erro no site.

Também depois de questionamentos do portal, as empresas de telefonia afirmaram que se trata de um erro na validação do EID, entendido como o “número de série do eSIM”. A Vivo utiliza esta informação para registro dos novos números, enquanto Claro e TIM usam cartões com QR Codes.

Além disso, segundo informações do MacMagazine, a Vivo é a única empresa que usa uma lista de IMEIs de celulares para certificação. Desta forma, aqueles aparelhos não registrados nesta relação ficariam de fora, como modelos roubados, falsificados, entre outras situações.

iPhone 14 não tem bandeja para cartão SIM

Com a decisão de não colocar mais bandejas para cartões de operadoras, a Apple continua seu plano de reduzir a quantidade de entradas físicas em seus celulares. Desta forma, a construção interna do aparelho pode ser aproveitada com a reorganização de outros componentes.

Mesmo que não tenha motivado uma polêmica tão grande em comparação com o fim da porta P2 de 3,5 mm ou a remoção do carregador da caixa dos seus aparelhos, a nova medida traz algumas reclamações. A principal delas envolve os usuários que costumam realizar viagens internacionais, e têm dificuldade para usar os serviços de telefonia em países estrangeiros.

A decisão da Apple é voltada para os aparelhos vendidos nos Estados Unidos, mas os usuários em outros mercados podem comprar os smartphones com a bandeja tradicional. É o caso do Brasil, que receberá aparelhos semelhantes àqueles vendidos na Europa — porém, parece claro que a marca deve aumentar a extensão da medida para os modelos internacionais a partir das próximas gerações.

A linha iPhone 14 ainda não tem uma data oficial de lançamento no Brasil, mas as vendas devem ser iniciadas em algum momento das próximas semanas.

Fonte: Tecnoblog, MacMagazine