São Paulo vai aplicar 4ª dose em quem tem mais de 45 anos nesta quarta (22)

São Paulo vai aplicar 4ª dose em quem tem mais de 45 anos nesta quarta (22)

Por Fidel Forato | Editado por Luciana Zaramela | 21 de Junho de 2022 às 09h37
DragonImages/Envato

A partir de quarta-feira (22), a cidade de São Paulo começa a imunizar aqueles que têm mais de 45 anos com a quarta dose da vacina contra a covid-19. No total, a prefeitura espera vacinar cerca de 500 mil pessoas que têm de 45 a 49 anos e estão aptas para receber o reforço.

Diferente do proposto pelo Ministério de Saúde — que liberou a quarta dose para todos com mais de 40 anos —, a capital ampliará o público da vacinação gradualmente. “A cidade de São Paulo fará a vacinação de forma escalonada, pois há uma grande quantidade de pessoas entre 40 e 49 anos na capital. Assim, garantimos mais conforto à população, ofertando o reforço a todos os elegíveis”, explicou o secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco, em comunicado.

Qual vacina deve ser usada no reforço em SP?

Vale lembrar que, para receber quarta dose da vacina, a pessoa deve ter recebido a dose anterior do imunizante contra covid-19 há pelo menos quatro meses. Segundo o Ministério da Saúde, a orientação é que seja aplicada uma das seguintes vacinas, independentemente da dose aplicada anteriormente:

  • AstraZeneca/Fiocruz.
  • Pfizer/BioNTech;
  • Janssen (Johnson & Johnson).

No momento, a pasta não orienta o uso da CoronaVac contra a covid-19 para a segunda dose de reforço.

Para além da campanha de vacinação contra a covid-19, os postos de saúde da cidade de São Paulo também estão imunizando contra a gripe (influenza), polimielite (pólio) e sarampo. É importante destacar que é possível tomar a vacina contra a gripe e a da covid no mesmo dia.

Fonte: Prefeitura de SP e Agência Brasil

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.