Viaje no tempo | Os celulares mais vendidos do presente e do passado

Por Felipe Junqueira | Editado por Léo Müller | 21 de Julho de 2022 às 14h26

clique para compartilhar

Link copiado!

iPhone 13
ver mais

O mercado de celulares mudou bastante nesta última década. Lá em 2012, quando o Canaltech começou a publicar notícias, não existia essa história de iPhone e iPhone Plus. Era um modelo da Apple só no ano e pronto.

Não posso dizer o mesmo das empresas que usam o Android. A Samsung não tinha um catálogo tão organizado, com um monte de versões na linha Galaxy S, e nem todos eram topo de linha. O mesmo valia para empresas como LG, Motorola e por aí vai.

Mas será que mudou muito a lista de mais vendidos nesse período? Já adianto que sim, até porque algumas empresas pararam de fabricar smartphones. Além disso, o mercado mudou não só pelo aumento no número de versões em cada linha, mas como um todo.

Celulares mais vendidos hoje

Antes da lista de 10 anos atrás, vamos dar uma olhada na atual. Eu encontrei o Top 10 de duas empresas diferentes que rastreiam o mercado, que têm praticamente os mesmos modelos, mas com uma variação na ordem.

A Omdia calculou que o Samsung Galaxy A12 foi o smartphone mais vendido ao longo de todo o ano passado. Já a Counterpoint Research avaliou que a Apple ocupa nada menos que todo o Top 5, e o aparelho da Samsung fica na quinta colocação.

Infelizmente, não há como saber quem está mais próximo da verdade. É que esses rankings são feitos com metodologias diferentes, e não há números oficiais de venda para fazer o cálculo. O importante é que a Apple domina, com sete modelos independente da firma de análise.

Celulares mais vendidos em 2021 (Omdia)

  1. Samsung Galaxy A12: 51,8 milhões
  2. Apple iPhone 12: 41,7 milhões
  3. Apple iPhone 13: 34,9 milhões
  4. Apple iPhone 11: 33,6 milhões
  5. Redmi 9A (Xiaomi): 26,8 milhões
  6. Apple iPhone 12 Pro Max: 26,1 milhões
  7. Apple iPhone 13 Pro Max: 24,1 milhões
  8. Apple iPhone 12 Pro: 21,2 milhões
  9. Apple iPhone 13 Pro: 19,4 milhões
  10. Galaxy A02: 18,3 milhões

Celulares mais vendidos em 2021 (Counterpoint)

  1. Apple iPhone 12: 2,9% do mercado
  2. Apple iPhone 12 Pro Max: 2,2% do mercado
  3. Apple iPhone 13: 2,1% do mercado
  4. Apple iPhone 12 Pro: 2,1% do mercado
  5. Apple iPhone 11: 2,0% do mercado
  6. Samsung Galaxy A12: 2,0% do mercado
  7. Redmi 9A (Xiaomi): 1,9% do mercado
  8. Apple iPhone SE 2020: 1,6% do mercado
  9. Apple iPhone 13 Pro Max: 1,3% do mercado
  10. Redmi 9 (Xiaomi): 1,1% do mercado

Galaxy A12 chegou ao mercado no final de 2020 e foi, segundo a Omdia, o celular mais vendido em 2021

Ivo Meneghel Jr/Canaltech

Celulares mais vendidos 10 anos atrás

Encontrar a lista dos smartphones mais vendidos em 2012 foi uma tarefa mais difícil. Infelizmente, as empresas de análise de mercado não mantêm registros tão específicos daquela época, e provavelmente só faziam relatórios das marcas que mais vendiam.

Mas dá para ter uma ideia pela popularidade de cada modelo na época. O site GSMArena tem uma lista que é considerada pelo Google como um Top 10 de 2012. Mas tenha em mente que a metodologia não tem ligação com número de vendas, mas sim com as buscas feitas dentro da plataforma.

Os números indicam as visualizações de cada modelo no site.

  1. Samsung Galaxy S III: 20,1 milhões
  2. Sony Xperia S: 10,1 milhões
  3. HTC One X: 8,3 milhões
  4. Nokia 808 Pureview: 7,8 milhões
  5. iPhone 5: 7,4 milhões
  6. Galaxy Note 2: 7 milhões
  7. Samsung Galaxy Y Duos: 6,5 milhões
  8. Xperia U: 6,4 milhões
  9. Nokia Asha 311: 5,1 milhões
  10. Galaxy Ace Plus: 4,9 milhões

Samsung Galaxy S3

Divulgação/Samsung

O que mudou nesses 10 anos

Há dez anos, a Apple não parecia dominar tanto o Top 10 como acontece agora. Mas também a empresa lançava apenas um modelo por ano, já que a versão Plus só passou a fazer parte do catálogo em 2014, com o lançamento do iPhone 6.

Agora, com cinco modelos por ano, além de manter as duas gerações anteriores em produção, a companhia atinge mais faixas de preço. Curiosamente, seus modelos ocupam sete posições no ranking dos dez mais vendidos em 2021, apesar de os modelos Mini estarem ausentes.

Enquanto isso, os celulares Android perderam espaço entre os mais vendidos. Mas isso pode ser explicado pelo aumento no número de opções. Veja que os mais populares em 2012 eram, principalmente, modelos topo de linha. Mas esta faixa é dominada pela Apple.

Restaram as categorias mais acessíveis. Os representantes Android no Top 10 são justamente os modelos mais de entrada de Samsung e Xiaomi. O Galaxy A02, que está na lista da Omdia, é justamente o concorrente do Redmi 9A, que está em ambas. O mesmo para Redmi 9 e Galaxy A12.

“Mas os smartphones mais populares não são os intermediários de verdade?”, você deve estar se perguntando. Pode até ser, mas são tantas opções na categoria, incluindo mais de um modelo de cada fabricante, que as vendas se diluem.

Note que a Counterpoint divulgou o Top 10 por fatia de mercado, e o modelo mais vendido tem menos de 3% do total. É bastante coisa se a gente considerar que são lançados centenas de novos smartphones todo ano, mas mostra que o setor está bem diversificado.

Seria interessante saber que fatia cada celular mais popular em 2012 representava no total do mercado. Acredito que todos teriam uma porcentagem maior que boa parte do Top 10 atual. Infelizmente, não encontrei esta informação.

Fonte: Omdia, Counterpoint Research, GSMArena