Os 15 melhores jogos do Xbox One

Os 15 melhores jogos do Xbox One

Por Felipe Demartini | Editado por Bruna Penilhas | 17 de Março de 2022 às 14h30
Reprodução/Canaltech

No início de 2022, a Microsoft confirmou o fim da fabricação do Xbox One em todo o mundo. Enquanto o legado do aparelho de geração passada vive por meio da retrocompatibilidade com os Xbox Series X e Xbox Series S, é também um momento que marca o fim oficial da plataforma, que ajudou a firmar mais ainda o legado da Microsoft no mundo dos games e ainda abriu as portas para serviços com foco nos jogadores.

Ainda é um bom momento para relembrar alguns dos melhores jogos que passaram pela geração passada de Xbox. Selecionar apenas 15 não é tarefa fácil, entre tantas pérolas exclusivas ou multiplataforma que passaram pelo console. Optamos por uma variedade de gêneros e grandes franquias que ganharam novos capítulos no videogame.

Como dito, todos os games podem ser jogados mesmo hoje, no Xbox Series X|S, que tem retrocompatibilidade total com os jogos do Xbox One. Isso vale tanto para os discos quanto para compras digitais, enquanto alguns dos presentes na lista também fazem parte do serviço de assinaturas Xbox Game Pass. Sem mais delongas, confira a nossa seleção:

15. Frostpunk

Decisões difíceis e um inverno rigoroso e pós-apocalíptico dão o tom deste game de estratégia da 11 bit Studios, sucesso nos PCs e com uma versão para consoles igualmente competente. Em um mapa circular, o jogador deve assumir o papel do governante de um assentamento de sobreviventes do frio e, além de manter todo mundo aquecido, evitar sua própria deposição do poder enquanto ordena expedições, regimes de trabalho e se prepara para o pior.

Frostpunk é um dos melhores jogos de estratégia dos últimos anos, daqueles que vai te deixar preocupado de verdade com a população. Às vezes, será preciso deixar interesses individuais e até coletivos de lado em prol de um bem maior, enquanto em outros momentos, terá que lidar rapidamente com o que há de pior na sociedade e na natureza. Sobreviver até o final, aqui, é para os fortes.

14. Gears 5

O quinto título da série que é marco da era Xbox também é uma comprovação de sua relevância. Décadas depois de seu lançamento original, após mudanças de estúdio e até passeios por outros gêneros, a franquia exclusiva segue importante e, principalmente, com qualidade, entregando o tipo de tiroteio satisfatório e a história emocional que muita gente procura em um grande título de qualquer console.

Kait Diaz é a protagonista do título mais recente da saga, que explora as origens da protagonista, sua família e também da própria ameaça Locust, sempre presente ao longo da série. Personagens clássicos retornam em Gears 5, assim como novos, em uma guerra sem fim cujas engrenagens apenas parecem mais e mais intrincadas e interessantes.

13. Celeste

Caso você procure algo um pouco mais tranquilo, mas que ainda ecoa o passado dos games de plataforma, esta é uma boa opção. Com um visual, trilha sonora e gameplay igualmente espetaculares, o jogo da Extremely OK Games é um sucesso, a ponto de levar o The Game Awards de melhor jogo independente em 2018, ano de seu lançamento.

Celeste conta com arte dos brasileiros Amora Bettany e Pedro Medeiros, o que só adiciona ao clima intimista e de descoberta de si próprio presente no título. Enquanto Madeline escala uma montanha nevada e enfrenta obstáculos, nos deparamos com personagens peculiares e com inseguranças em forma de inimigos, em uma jornada para o topo e para dentro de nós mesmos.

12. DOOM Eternal

No lado oposto da beleza e da calmaria está o rock ‘n’ roll e a carnificina. Poucos retornos de franquias do passado foram tão gloriosos quanto estes, não apenas preservando os conceitos que tornaram os clássicos um sucesso, mas também os preparando tão bem para uma nova geração.

Prova disso é o fato de DOOM Eternal ser considerado um dos melhores games de tiro da atualidade, fazendo jus à violência de seu personagem principal e nos levando a um derramamento de sangue que nunca foi tão absurdo. Vale a pena jogar também o game anterior, ainda que o ápice esteja neste segundo — e mal podemos esperar pelo que vem por aí.

11. Halo Infinite

A aguardada continuação marcou o primeiro salto de Master Chief em uma nova geração de consoles, mas preserva todas as suas qualidades também no Xbox One. Em uma mudança importante para a franquia, que ganhou novas mecânicas de movimentação por um cenário de mundo aberto, a guerra entre os humanos e os alienígenas segue com novos inimigos e um estado de tensão ainda mais elevado.

Quando o herói espartano parece derrotado, cabe ao jogador, mais uma vez, catar os cacos e encarar de frente a ameaça dos Banidos, que parecem ainda mais agressivos e ameaçadores que os antigos Covenant. Entre missões de resgate e combates ferrenhos, se desenha Halo Infinite, um dos maiores títulos da saga e considerado um dos melhores games de 2021.

10. Forza Horizon 5

O festival de música e velocidade mais carismático dos games retornou em 2021 nas paisagens do México, misturando dunas, cidades cheias de arte e história, estradas de asfalto e as tradicionais corridas sinuosas dos rallies. Centenas de carros, opções de personalização e um grande foco na acessibilidade são alguns dos elementos da mais recente empreitada da Turn10 com a franquia focada nas corridas arcade.

Forza Horizon 5 é belo mesmo no Xbox One, com a variação de cenários e de clima enchendo os olhos dos jogadores. A estrutura em temporada, as centenas de opções de corridas e disciplinas diferentes também fazem com que sempre exista algo novo para fazer, em um game que, mesmo quando jogado sozinho, não tem hora para terminar.

9. Fortnite

A lista está cheia de hipérboles, com os maiores e melhores, e não poderia faltar um dos principais expoentes dos games de tiro competitivos da atualidade. O título gratuito da Epic Games investe não apenas em uma jogabilidade apurada e uma ação desafiadora, mas também no conteúdo.

Afinal de contas, quem um dia imaginou que, nos games, seria possível assistir a um show do Travis Scott ou visitar uma exposição sobre Martin Luther King? Em Fortnite, dá para fazer isso, inclusive, vestido com a roupa do Chapolin, o uniforme do Homem-Aranha ou fazendo cosplay de John Wick. Rapidamente, você vai entender porque o game é essa febre toda, com grandes chances de se um adepto também.

8. Cuphead

Quem procura uma boa opção para jogar de dois pode encontrar abrigo no game da Studio MDHR, mas antes, é importante avaliar a força dessa amizade. Afinal de contas, estamos falando de um game tão bonito quanto difícil, baseado em batalhas criativas contra chefes de fase e ecoando ao melhor e mais desafiador dos games do passado.

Não se engane pela cara de desenho animado e a simpatia dos protagonistas, Cuphead é um jogo complicado. Você vai passar muito tempo desfiando de projéteis e evitando ser esmagado por oponentes que ocupam quase todo o espaço da tela, enquanto tenta salvar a alma dos personagens principais, envolvidos em uma aposta com o pior tipo de agiota possível: o próprio demônio.

7. Ori and the Will of the Wisps

Falamos de títulos que ecoam a um passado de plataforma e desafio. Agora, é hora de comentarmos sobre a evolução de gênero, que encontra aqui um de seus principais expoentes. Luzes, cores, personagens carismáticos e muita exploração fazem desta sequência um dos melhores exclusivos dos estúdios da Microsoft.

O primeiro, Ori and the Blind Forest, já era ótimo, com a continuação levando as mecânicas e a beleza a novos patamares. Ori and the Will of the Wisps é ideal para quem adora o estilo metroidvania e bom para quem deseja começar nesse universo, com uma aventura cheia de sentimento e personalidade.

6. The Witcher 3: Wild Hunt

Horas e horas de jogatina estão te esperando em um dos games atemporais da geração passada. Prova disso é que ele foi lançado no começo dela e, mesmo lá atrás, já surpreendia pelos gráficos e nível de imersão, enquanto DLCs e outros conteúdos adicionais só vieram para tornar a saga de Geralt ainda mais completa e extensa.

Não à toa, The Witcher 3: Wild Hunt é considerado um dos melhores RPGs modernos e, também, um bom ponto de entrada para quem não é tão adepto do gênero assim. Entre missões principais, batalhas épicas e cavalos no telhado, temos aqui um dos monstros sagrados do Xbox One e um título quase obrigatório.

5. Resident Evil 2

Um clássico absoluto do final dos anos 1990 retornou em grande estilo, com um trabalho gráfico apurado e o foco no terror que transformou a franquia em um sucesso. A passagem de Leon e Claire por Raccoon City recebeu um tratamento de luxo por parte da Capcom, com o anseio de trazer o marco para uma nova geração de jogadores também configurando um dos melhores títulos da saga.

Entre os cenários icônicos da delegacia e as ruas da cidade, o remake de Resident Evil 2 pode ser a introdução perfeita para a série, caso você não a conheça, ou a nostalgia na medida para quem sente falta dos bons e velhos Survival Horrors. Lembre-se, sempre, de economizar munição e mirar na cabeça.

4. Hades

Já que citamos uma obra-prima na indicação anterior, é hora de falarmos de outra. Entre Transistor, Bastion e Pyre, Hades representa o apogeu do estúdio Supergiant Games e também um dos melhores jogos independentes dos últimos anos, quiçá de todos os tempos. Prova disso é sua colocação, ao lado de outros grandes expoentes daquele ano, como concorrente a melhor do ano em 2020.

A história segue Zagreu, filho de Hades, em uma jornada para fugir do Submundo e chegar ao Olimpo. Enquanto o pai não gosta nada disso, ele recebe a ajuda de outros deuses e enfrenta um punhado deles, em um conjunto de elementos que constitui um rogue-like instigante até mesmo para quem não é fã do gênero e um título cuja arte, jogabilidade e trilha sonora sempre farão você querer mais, por horas e horas.

3. Grand Theft Auto V

Difícil criar uma lista dos melhores jogos da geração passada sem falar de um título tão grande que, na realidade, já ultrapassou três eras. Entre um modo online com novidades constantes e uma campanha que promete muitas dezenas de horas de jogo, o título que muitos consideram a obra-prima da Rockstar segue avassalando por onde passa.

GTA 5 é um marco, a ponto de aparecer nas listas de jogos mais vendidos sempre que entra em promoção e arrebanhando centenas de milhões de unidades comercializadas. Frank, Michael e Trevor seguem como os reis do crime, enquanto o título que está para completar 10 anos de seu lançamento original em 2013 permanece mais atual do que nunca.

2. Hellblade: Senua’s Sacrifice

Jogos que falam sobre saúde mental não são tão comuns e poucos abordam o assunto com tamanha sensibilidade e, ao mesmo tempo, ferocidade do que esse. Obra-prima da Ninja Theory, o título anteriormente exclusivo para PlayStation 4 nos coloca diretamente na cabeça da protagonista e nos permite ver e ouvir, de camarote, seus temores e aflições.

Entre demônios pessoais e fantasmas reais, Hellblade: Senua’s Sacrifice é um deleite gráfico, narrativo e, principalmente, sonoro. Entre combates com o peso devido e momentos de aflição extrema, conferimos um pouco de como funciona a mente de alguém com psicose e de que forma as vozes internas podem nos desestimular e levar para um caminho nada saudável. Jogue com fones de ouvido de qualidade e se prepare para ficar impressionado.

1. Red Dead Redemption 2

Quem discorda que GTA 5 é a obra-prima da Rockstar, provavelmente, é porque acha que é este. A sequência do game que levou as mecânicas de mundo aberto e a liberdade da franquia para o Velho Oeste impressiona por incontáveis aspectos que vão desde a superfície, dos gráficos belíssimos e da variedade de atividades para fazer, até pequenos detalhes como as rotinas de NPCs, os eventos aleatórios e até personagens reclamando se você ficar sem tomar banho.

John Marston, do original, dá lugar a Arthur Morgan em uma história pregressa, com Red Dead Redemption 2 remontando a um tempo em que a gangue Van der Linde ainda existia, assim como o companheirismo entre seus integrantes. O Oeste resistia, mas vislumbrava o fim à distância, enquanto o jogador atravessa terras inóspitas, participa de atos honrados ou nem tanto e, principalmente, explora um mundo digno de blockbuster cinematográfico.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Xbox One

  • Console Xbox One 1TB + Controle Wireless + Tomb Raider
    Fast Shop
    Console Xbox One 1TB + Controle Wireless + Tomb Raider
    R$ 1.599,00
  • Xbox One 500 GB + 5 Jogos
    Submarino
    Xbox One 500 GB + 5 Jogos
    R$ 1.862,52
  • Console Xbox One Fat 500GB + 5 Jogos
    Submarino
    Console Xbox One Fat 500GB + 5 Jogos
    R$ 2.141,15