Google quer monitorar quando você ronca e tosse durante o sono

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 27 de Maio de 2022 às 17h53

clique para compartilhar

Link copiado!

Tudo sobre Google
ver mais

O Google desenvolve um recurso de detecção de ronco e tosse nos celulares da linha Pixel e no Android. Este seria mais um aspecto da iniciativa de saúde da empresa, que pretende aproveitar dispositivos e gadgets para coletar informações sobre o bem-estar das pessoas para fins médicos.

O Google Health Studies chegou à versão 2.0 nesta semana para apoiar o lançamento de um novo estudo de saúde digital. Linhas de código dessa atualização, localizadas pelo site 9to5Google, revelam uma pesquisa chamada “Sleep Audio Collection”, disponível apenas para funcionários do Google.

Não dá para saber ao certo como funciona, mas parece ser um conjunto de ferramentas para coleta de sons durante o sono. É possível que a empresa queira captar quando você ronca, tosse, espirra ou emite ruídos indicativos de algum problema de saúde ou de alguma condição que atrapalhe o repouso.

Por ser algo experimental, a gigante de Montain View estabeleceu algumas regras para participar. A primeira delas é ser efetivamente um funcionário do Google em tempo integral e usar um telefone Android. É necessário dormir sozinho em um quarto, para que sons de outra pessoa não interfiram, e o ambiente deve ser silencioso.

Refinamento do algoritmo do sono

O levantamento servirá para alimentar algoritmos de detecção para celulares Android, com o objetivo de fornecer informações significativas sobre o sono do usuário. Nesta fase, a coleção de áudio coletada vai embasar os dados necessários para validar, ajustar e desenvolver os robôs identificadores.

A ideia é que a pessoa deixe o celular na mesa de cabeceira e que o algoritmo faça o monitoramento automaticamente. Uma das preocupações é com a privacidade, portanto tudo precisa ser afinado para captura apenas de tosse, roncos e espirros noturnos.

Ainda não está claro se este será um recurso amplo do Android ou exclusivo para celulares Pixel. Também não se sabe em qual aplicativo será adicionado: Google Fit e Relógio são os candidatos principais, mas pode haver um novo app a caminho.

Monitoramento de ruídos noturnos

Em 2020, o Google trouxe um recurso semelhante no relógio, que funcionava em associação com o app Bem-estar digital (Digital Wellbeing, em inglês) para cronometrar o tempo gasto durante o sono. Mesmo assim, essa funcionalidade detectava apenas movimento e luz, sem a captura de sons.

Se a criadora estiver disposta a trazer isso de modo nativo para o Android, os relógios inteligentes vão precisar se reinventar para adicionar tal funcionalidade ao rol de melhorias. Hoje, a maioria desses dispositivos identifica o sono, mas também não captam ondas sonoras. Já dispositivos como o Fitbit e o Nest Hub tem um detector de ronco e outros sons, mas não há nada parecido nativamente no Android.

Fonte: 9to5Google